Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2013

Encontro Paroquial CELC Teresina, PI, 2013

Imagem
Nos dias 2 e 3 de novembro de 2013, a CELC de Teresina, PI, realizou seu Encontro Paroquial em Luis Corrêia. Neste encontro houve muito tempo para comunhão, brincadeiras, devoções, passeios, praia, ouvir a Palavra de Deus e admirar a natureza que Deus criou.























A morte é coisa séria

Imagem
“O último inimigo a ser vencido é a morte... Tragada foi a morte pela vitória” (1 Coríntios 15.26,54).
A morte é vista e até celebrada de diversas maneiras conforme a cultura e a religião das pessoas. Em algumas culturas, a morte de um ente querido é celebrada com danças e banquetes. Noutras culturas, quando se está de luto se veste de preto ou de branco. Para alguns a vida termina com a morte, e para outros a vida tem um seguimento, sendo a morte uma passagem. E para alguns, ainda, a morte é uma piada.
Segundo a Palavra de Deus, a morte é coisa séria, tanto que ao falar com Adão e Eva sobre o fruto de qual árvore não deveriam comer no Éden, Deus alertou-lhes que se o comessem, morreriam (Gênesis 2.16,17). Quando Satanás tentou Eva, mentiu a ela, garantindo que não morreria ao comer daquele fruto, e seria igual a Deus (Gênesis 3.4,5). Quando Eva comeu do fruto e deu para Adão, ficaram com medo e vergonha, fugindo de Deus (Gênesis 3.7-9). A mentira de Satanás se confirmou …

95 Teses

Imagem
1 Ao dizer: "Fazei penitência", etc. [Mt 4.17], o nosso Senhor e Mestre Jesus Cristo quis que toda a vida dos fiéis fosse penitência.

2 Esta penitência não pode ser entendida como penitência sacramental (isto é, da confissão e satisfação celebrada pelo ministério dos sacerdotes).

3 No entanto, ela não se refere apenas a uma penitência interior; sim, a penitência interior seria nula, se, externamente, não produzisse toda sorte de mortificação da carne.

4 Por conseqüência, a pena perdura enquanto persiste o ódio de si mesmo (isto é a verdadeira penitência interior), ou seja, até a entrada do reino dos céus.

5 O papa não quer nem pode dispensar de quaisquer penas senão daquelas que impôs por decisão própria ou dos cânones.

6 O papa não pode remitir culpa alguma senão declarando e confirmando que ela foi perdoada por Deus, ou, sem dúvida, remitindo-a nos casos reservados para si; se estes forem desprezados, a culpa permanecerá por inteiro.

7 Deus não perdoa a culpa…

Reforma Protestante - Reformador Dr. Lutero

Imagem
REFORMA LUTERANA 31/10/2013 Há 496 anos, na Alemanha, eclodiu um movimento religioso que transformaria o cenário mundial: A Reforma Luterana. A revista americana Life editou uma lista dos 100 personagens mais notáveis do milênio, entre os quais figura Martinho Lutero. A Reforma Luterana não foi apenas um movimento com impacto religioso; mas, a sua repercussão atingiu o âmbito político, econômico e social. Martinho Lutero foi um monge agostiniano. A sua formação obedeceu o regime clássico da época. Seus pais quiseram que ele se tornasse um advogado; mas, a busca por um relacionamento de paz e harmonia com o Santo Deus o empurrou para o convento. Foi fiel aos estudos, aos votos e ao regime da época. Mesmo no convento, não conseguia tranqüilizar a sua consciência. Confessava freqüentemente os seus pecados e, ao sair do confessionário, percebia que precisava retornar. Afadigou-se nas vigílias, orações, auto-flagelação, até que seu amigo e superior, Johann Staupitz o aconse…

Reforma - Lutero

Imagem
Muitas são as histórias que giram em torno do Reformador Martinho Lutero. Uma delas tenta retratar o momento em que Lutero redescobre a verdade bíblica, maravilhosa de que nós somos salvos unicamente por um favor que vem do amor e da misericórdia de Deus.

Conta-se que em seus primeiros anos como professor, o Dr. Martinho Lutero ministrou lições no Genesis, nos Salmos, em Romanos, Gálatas e Hebreus. Ele passava muitas horas estudando as Escrituras a fim de preparar-se para as suas preleções.

Em muitas noites quando todos já tinham ido dormir uma luz ainda brilhava no Gabinete de Lutero, que ficava no alto da torre. – Numa dessas noites em 1514, fez uma grande descoberta. Estava trabalhando em suas anotações no livro de Salmos. O Salmista tinha proferido as Palavras de Jesus sobre a cruz: “Deus meu, Deus meu porque me abandonaste?” - Lutero estava intrigado. Porque haveria de o Santo Filho de Deus sentir-se abandonado pelo Pai? É verdade, Lutero já tinha se sentido assim …

Saudade de quem partiu

Imagem
A saudade de alguém que já morreu não tem dia ou hora para chegar. Ela surge e pode nos entristecer. E até mesmo as lembranças de momentos felizes podem machucar o coração. Quando seu amigo Lázaro faleceu, Jesus chorou. Por isso, hoje, se o seu coração chora de saudade de alguém que já partiu, entregue sua angústia a Jesus. Ele entende você e conhece suas lágrimas. E mais: ele é o Deus da vida, aquele que venceu a morte e pode encher seu coração com a esperança de que um dia não haverá mais morte, nem sofrimento, nem lágrima.

Oremos: Salvador Jesus, que a sua ressurreição encha a minha vida de esperança e que o seu amor enxugue minhas lágrimas quando a saudade bater. Amém.

Leia em sua Bíblia João 11.25-35
Então Jesus afirmou: — Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim nunca morrerá. Você acredita nisso? — Sim, senhor! — disse ela. — Eu creio que o senhor é o Messias, o Filho de Deus, que devia vir ao mundo. Depois …